segunda-feira, 6 de maio de 2013

Assassino de Décio Sá chega em São Luís para prestar depoimento

foto

O assassino confesso do jornalista Décio Sá, Jhonathan de Sousa Silva, desembarcou às 13h deste domingo (5) no Aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado, em São Luís. Ele foi levado para a sede da Superintendência Regional Polícia Federal no Maranhão (SRPF-MA), na Cohama, onde vai aguardar para prestar depoimento à Justiça.
Um total de 55 pessoas envolvidas no caso começam a ser ouvidas nesta segunda-feira (6), na 1ª Vara do Tribunal do Júri no Fórum Desembargador Sarney Costa, no Calhau.De acordo com a polícia, o jornalista foi morto porque teria publicado em seu blog informações sobre o assassinato do empresário Fábio Brasil, envolvido em uma trama de pistolagem com os integrantes de uma quadrilha encabeçada por Glaucio Alencar e José Miranda.Após um ano de investigações, a polícia concluiu o inquérito e encaminhou à Justiça. Treze pessoas foram indiciadas por envolvimento no crime. Entre eles, o assassino Jhonathan e os principais suspeitos de serem mandantes, o empresário Glaucio Alencar e o pai dele, José de Alencar Miranda, presos desde o ano passado.
A morte do jornalista levou a polícia a descobrir um esquema de agiotagem, que envolve mais de 40 prefeituras do Maranhão, mantido pela quadrilha. Segundo a polícia, os prefeitos procuravam o bando para pedir dinheiro emprestado e pagavam a dívida com juros quando as verbas de recursos públicos eram liberadas. O rombo nos cofres era maquiado com “notas frias”.
Décio Sá foi morto por volta de 22h40 do dia 23 de abril do ano passado, em um bar na Av. Litorânea, em São Luís. O jornalista trabalhava na editoria de política do jornal O Estado do Maranhão e alimentava o Blog do Décio, o mais acessado do estado na época do crime.DO G1 MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge