quinta-feira, 10 de outubro de 2013

ENQUANTO ISSO NO MARANHÃO TÁ ASSIM: CONFIRA

                         (Foto: César Hipólito/TV Mirante)
Vários mortos dentro e fora da Penitenciária de Pedrinhas, ônibus queimados, assaltos, arrastões na cidade, o resultado é o medo, um pânico generalizado que vem se estabelecendo há tempos.
Em primeiro lugar, é bom que se diga que foi a própria governadora que Roseana Sarney, após tomar através de um golpe o governo, cassando Jackson Lago, “que os maranhenses poderiam sair às ruas tranquilas”.  Foi Roseana Sarney quem tirou a Força Nacional de São Luís, que estava fazendo um excelente trabalho. Para Roseana Sarney, pedir auxílio das forças federais era vergonhoso, era o que dizia seu  sistema, VEJA AQUI:
Outra coisa, quem deixou o crime se alastrar desenfredamente? Quem permitiu que gangues, a exemplo do tal “Bonde dos 40″ alastrassem seu domínio no estado? Ora, se a coisa toda cresceu desta forma só existe um culpado, o melhor, uma culpada: Roseana Sarney.
Mas, por outro lado, não é bom apenas que se diga que esse frisson todo é boataria da internet. Sendo assim  é melhor que se mostre as fotos dos fatos:
ISSO AQUI É BOATO OU FATO?
                (Foto: César Hipólito/TV Mirante)

Na noite desta quarta-feira (9) sete ônibus foram incendiados em diferentes bairros de São Luís. Segundo informações do site G1, o secretário de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), Aluísio Mendes, confirmou que os veículos foram incendiados na Vila Kiola, Tibiri, Jardim São Cristovão, Maracanã, Janaína, Cohab Anil e Monte Castelo. Até o início da madrugada desta quinta-feira (10) não houve confirmação de feridos.
Ainda segundo o site, um motorista de um dos ônibus, que não quis se identificar, afirmou que foi surpreendido por um carro de cor prata, fechando a passagem. Três homens armados invadiram o veículo ordenando que os passageiros descessem antes de incendiar o ônibus.
De acordo com a SSP-MA, a ação foi motivada pela briga entre gangues que ocorreu em Pedrinhas, deixando 13 mortos e 30 feridos, na noite desta quarta-feira (9). O confronto teria começado após a suspeita da existência de um túnel por onde cerca de 60 presidiários tentariam fugir. (Jornal Pequeno).
(RICARDO SANTOS)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge