quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Jayme de Almeida faz o Flamengo campeão após queda de Mano

                        ESPORTES
                           
     
Mal sabia o Atlético-PR que selava o seu destino de vice-campeão da Copa do Brasil no dia 19 de setembro, com uma grande atuação e vitória contundente e afirmativa sobre o Flamengo, o mesmo que impediria uma conquista inédita. Naquela noite, o Rubro-negro carioca vencia por 2 a 0 e foi superado por 4 a 2, no Maracanã. Minutos depois, Mano Menezes abandonava o navio que parecia destinado a naufragar numa temporada de tormentas.
A partir dali, tudo mudaria. Auxiliar há três anos na Gávea, Jayme de Almeida, como tantas vezes ocorreu na história flamenguista, assumiu o comando de um time que parecia sem rumo e sem solução. Dois meses e meio depois, o Flamengo é campeão da Copa do Brasil pela terceira vez, tem garantida participação na Copa Libertadores e pode ambicionar um 2014 de objetivos ainda maiores. Jayme é calmo, ponderado, trabalha muito e em silêncio e não faz propaganda de si. "Eu não sou o 'demais'", costuma dizer, com humildade, mas sem modéstia, ciente de suas capacidades.
             
                      

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge