quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Alta rejeição do governo Roseana Sarney prejudica desempenho de Luís Fernando nas pesquisas

68,7% dos entrevistados pela pesquisa DataM divulgada na noite desta segunda (03) não aprovam a administração da governadora e números reflentem na pré-candidatura de Luis Fernando.

Maranhão da Gente

354d635b50c32f7c9d64fdf0f2b7de21 Alta rejeição do governo Roseana Sarney prejudica desempenho de Luís Fernando nas pesquisas
A pesquisa DataM divulgada na noite de ontem (03) aponta que 68,7% dos entrevistados não aprovam a administração da governadora Roseana Sarney. Os números atingem também o pré-candidato apoiado pela família Sarney, Luís Fernando Silva (PMDB), que continua patinando nas pesquisas de intenção de votos, apresentando uma diferença de mais de 40 pontos percentuais em relação ao pré-candidato Flávio Dino (PCdoB), primeiro colocado.
A pesquisa realizada entre os dias 28 e 31 de janeiro indicou que 68,7% dos entrevistados reprovam o governo Roseana Sarney. 24,5% dos entrevistados disseram aprovar a administração da peemedebista e os que não opinaram ou não souberam responder NS/NR representaram 6,9%.
Entre os entrevistados, 36,1% classificaram o  governo Roseana Sarney como “péssimo”. Outros 16,3% qualificaram a administração de Roseana Sarney como “ruim”, enquanto que 31,4% dos entrevistados consideram a administração “regular”. Os itens “ótimo” e “bom” ficaram, respectivamente, com percentuais de 2,9% e 12,1% na avaliação dos entrevistados. 1,3% dos entrevistados não opinaram ou não souberam responder.
O desempenho do candidato que representa o grupo Sarney na disputa pelo governo do Estado com reprovação de 68,7% dos entrevistados também não é favorável. Com apenas 13,7% das intenções de votos, Luís Fernando está atrás do primeiro colocado na disputa em mais de 40 pontos percentuais. Flávio Dino, pré-candidato pelo PCdoB, aparece com 55,3% das intenções de votos nesta pesquisa e a terceira colocada, Eliziane Gama (PPS), tem 6,9% da preferência do eleitorado.
 A pesquisa foi realizada em 58 cidades de todas as regiões do Maranhão entre os dias 28 e 31 de janeiro. Foram ouvidas 1.500 pessoas e a margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge