terça-feira, 15 de abril de 2014

Senadinho: Lobinho morde a família Sarney em Brasília e assopra no Maranhão

                MARANHÃO DA GENTE
           lobao2 Senadinho: Lobinho morde a família Sarney em Brasília e assopra no Maranhão
As declarações do pré-candidato a governador do Maranhão, Edinho Lobão (PMDB), sobre a família Sarney, são duras como uma casa de tijolos ou branda como uma casa de palha. Depende de quem faz o questionamento.
Aos jornais nacionais ele morde, tenta vender a ideia de que sua candidatura não significa a continuidade da família do ex-presidente. Ao jornal “O Estado do Maranhão”, de propriedade da família Sarney, ele assopra, fala em tom de conciliação, de um liderado da governadora Roseana Sarney.
Em entrevista ao jornal “O Globo”, Edinho fez questão de destacar que não é um Sarney. “Meu nome é Edison Lobão Filho. Não me chamo Edinho Sarney. O nome da nossa família é Lobão. É uma família tradicional, que tem muita história no Maranhão. Eles têm a forma deles de trabalhar. Nós temos a nossa”, mordeu.
Para o jornal “Folha de S.Paulo”, disse que ainda que tenha o apoio de Roseana, a quem diz ver como “irmã”, irá se apresentar como candidato da “mudança”. “O grande problema vai ser fazer isso sem esculhambar, mas a verdade é: não sou a continuação. Não estou criticando, mas minha forma de gestão é totalmente diferente”, mordeu de novo.
O senador, suplente do pai, disse que a família Lobão tem “personalidade própria”. “Integramos o mesmo grupo, mas nunca fomos subservientes à família Sarney. Nem meu pai ao Sarney nem eu a Roseana.”


Seguindo a linha “morde e assopra”, segundo avaliou o diário paulista, Edinho se diz “mais rígido” do que a filha de Sarney. “Não que ela [Roseana] seja mole, mas temos estilos diferentes. É uma mulher, eu sou homem, empresário, e quero mostrar isso”, declarou.
A “O Estado do Maranhão”, a ”personalidade própria” dá lugar a personalidade de grupo. O Lobão se torna um cordeiro. Afirma que não há possibilidade de haver esse distanciamento “anunciado de forma errada” nacionalmente. “Nenhum político que pensa no Maranhão em primeiro lugar pode imaginar governar sem o apoio, o prestígio e a ajuda do presidente Sarney”, assoprou.
Edinho diz ainda que não pode se afastar da família Sarney, se tem o apoio da governadora Roseana Sarney. “Como posso me afastar, se tenho como principal aliada a governadora Roseana Sarney, que já comanda o Maranhão por quatro mandatos?”, assoprou mais uma vez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge