domingo, 2 de junho de 2019

Maranhenses são mortas a tiros em Novo Repartimento, Pará

                        
Uma rixa antiga entre vizinhos, na “Vila Gelado”, localizada a 40 km da Vila Cruzeiro do Sul, conhecida como “Quatro Bocas”, deixou mãe e filha, nomes não divulgados, mortas com disparos de arma de fogo, por volta de 7 horas da manhã de hoje (31). As primeiras informações indicam que o atirador é um vizinho, cujo nome é desconhecido, com quem as vítimas mantinham um histórico de brigas, xingamentos e agressões.
De acordo com áudios que circulam nas redes sociais, as vítimas são acusadas de já ter colocado veneno do poço do atirador, quebrado a janela da casa, derrubado a pia de lavar roupa e estourado os canos de esgoto doméstico. Segundo populares, a filha era considerada uma “pessoa encrenqueira”, a ponto de acusar o vizinho de ter matado o cachorro dela envenenado, sendo que o animal teria morrido, vítima de doença típica de cachorro.
Por causa da morte do animal, os vizinhos teriam discutido bastante ontem, à noite. Os áudios relatam ainda que a filha amanheceu o dia bebendo e com o volume do som muito alto. O desafeto foi pedir para a dona do bar baixar o volume, mas ela o teria ameaçado com uma espingarda. Ele teria corrido, “deu um tempo”, pegou uma espingarda calibre 20 e começou a atirar nas vítimas. Elas são naturais da cidade de Governador Edson Lobão, Maranhão.
O assassino teria desferido o primeiro disparo na dona bar, ela correu, caiu e foi atingida com outro tiro “na boca”. A mãe teria vindo socorrer a filha, mas levou um tiro e tombou. Ela ainda foi socorrida, com vida, levada para a cidade de Novo Repartimento, porém não resistiu aos ferimentos e morreu. Após balear mãe e filha, o atirador se dirigiu ao bar para matar outras pessoas, entretanto todos conseguiram escapar com vida.
O matador, depois de “terminar o serviço”, teria ido para sua casa, pegou a esposa, mochilas e fugiu, utilizando uma motocicleta, para uma estrada, conhecida como Vicinal 3. Apesar de ficar na região da Vila Cruzeiro do Sul, município de Itupiranga, a vila “Gelado” pertence a Novo repartimento. Até o momento, não se tem notícia da prisão do assassino.
                                          

Nenhum comentário:

Postar um comentário