quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Radialista de Timon é encontrado morto em hotel em Codó

                       meionorte.com
                    
radialista Carlos Matos, 55 anos, foi encontrado morto em um quarto do Hotel Janaina, onde estava hospedado no município de Codó, no Maranhão. Carlos Matos teria sido vítima de um infarto na última sexta-feira, 24. Um cheiro incômodo chamou a atenção de funcionários da Pousada.
O corpo do radialista foi encontrado debruçado já sem vida, e foi levado para o Hospital Geral Municipal onde passou por perícia médica. Não foram encontrados sinais de violência.
A hipótese mais provável é que Carlos, que chegou ao quarto sozinho às 20h, tenha sofrido um infarto. Após a liberação do hospital, o corpo foi sepultado em Codó.
O radialista residia no bairro Vila Formosa, em Timon, onde dirigia uma emissora de rádio comunitária e publicava, semanalmente, o periódico “O Jornal” na cidade de Codó que já estava na sua 41ª edição.
Carlos é natural de Manaus, capital do Estado Amazonas, onde iniciou sua vida de comunicador na Rádio Baré. Seus primeiros passos, ainda aos 20 anos de idade, foram como repórter esportivo. Depois desta primeira experiência começou a estudar jornalismo pela Universidade do Amazonas (equivalente à federal daquele Estado) e, ao concluir, escreveu pela primeira vez para o Jornal do Comércio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge