sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Vingança: Homem é brutalmente assassinado por grupo de mototaxistas

                           GI PORTAL
                  Valdimar / Imagem do Blog Rei dos Bastidores
Um homem identificado como Valdimar de Araújo Bezerra, de 30 anos, foi assassinado após ser espancado, baleado e torturado por um grupo de cerca de 30 a 50 mototaxistas armados com facões, revólveres e facas que invadiram a residência em que ele se encontrava juntamente com outras duas pessoas, na noite de quarta-feira (29).
Valdimar era suspeito de ter envolvimento com o assassinato do mototaxista Charles Alves Santos, de 27 anos, que foi morto com 20 facadas no 8 de dezembro de 2013, na Vila Ildemar.
Procurando vingança, o grupo de mototaxistas invadiu a residência e espacaram Valdemar e as outras duas pessoas que se encontravam no local. Valdemar foi amarrado com fios de energia na garupa de um dos mototaxistas e levado para o mesmo local onde Charles foi morto.
O homem foi assassinado no local com dezenas de facadas, pauladas, pedradas e  tiros disparados pelo grupo. Segundo informações do IML, a morte se deu por choque hipovolêmico, também chamado choque hemorrágico, onde a vítima perde grande parte do sangue no corpo.
Segundo informações da família da vítima, Valdimar não poderia ter assassinado Charles, uma vez que estava em Imperatriz no dia do crime. Eles disseram que podem comprovar a informação com documentos.
O caso ainda está sendo investigado pela polícia. As duas outras vítimas que estavam na mesma casa que Valdimar estão contando com proteção policial.
Charles
Charles
Entenda o caso
Um mototaxista identificado como Charles Alves Santos, de 27 anos, foi morto com mais de vinte facadas, no município de Açailândia no dia 8 de dezembro.
A suspeita é de um crime de latrocínio, roubo seguido de morte, uma vez que a motocicleta de Charles foi levada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge