sábado, 25 de maio de 2013

Briga de vizinhos termina com três mortos em S,PAULO


Uma briga entre vizinhos terminou na morte de três pessoas no final da noite de quinta-feira (23), em Santana de Parnaíba, na Grande SP. O crime aconteceu no condomínio residencial Bosque de Tamboré, na rua Marcos Penteado de Ulhôa Rodrigues.
Por volta das 20h, Vicente D’Alessio, 62, invadiu o apartamento vizinho, que fica no andar superior, e atirou contra o casal, Fábio de Rezende Rubim, 40, e Miriam Cecília Amstalden Baida, 37, após uma discussão sobre barulho.
Segundo o delegado Andreas Schiffmann, responsável pelo caso, a reclamação de D’Alessio era recorrente. Fábio Rubim era subsíndico do prédio, e trabalhava em uma multinacional. Sua mulher, Miriam Cecília, era dentista e faria aniversário nesta sexta-feira (24).
“O homem entrou no apartamento e, após um bate-boca, o dono se escondeu em um dos quartos, foi então que o atirador disparou três vezes contra a porta, sendo que dois tiros foram certeiros”, disse Schiffmann.
Miriam, que estava no quarto com a filha de um ano e meio, ouviu os disparos, saiu e também foi atingida pelo vizinho. No total o assassino, que tinha porte de arma, atirou seis vezes com um revólver calibre 38, que segundo a polícia, estava registrado em seu nome.
Logo após o crime, Vicente desceu para seu apartamento, recarregou a arma, foi ao elevador do prédio e cometeu suicídio. De acordo com o delegado, antes de cometer o crime o atirador havia dito para a mulher que iria “resolver o caso”.
Segundo familiares de Vicente, ele estava doente há algum tempo. O idoso tinha uma síndrome chamada Guillain-Barré (que afeta o sistema nervoso) e chegou a ficar internado por quase um ano.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge