quinta-feira, 13 de março de 2014

O Mistério continua:Aviões sobrevoam área de supostos 'destroços', mas não encontram nada

O premiê da China, Li Keqiang, prometeu nesta quinta-feira (13) que seu país vai continuar fazendo buscas pelo voo desaparecido que partiu da Malásia na semana passada "enquanto houver algum raio de esperança".

Um site do governo chinês divulgou imagens de satélite que mostram possíveis destroços do voo MH370, desaparecido desde a madrugada de sábado (8).

ENTENDA O 'MISTÉRIO' EM 5 LINKS

As três imagens mostram o que parecem ser grandes objetos flutuando no Mar do Sul da China.

No entanto, duas missões enviadas ao local não conseguiram achar nenhum destroço. O vice-diretor da autoridade de aviação civil do Vietnã, Dinh Viet Thang, disse à agência AFP que dois aviões que sobrevoaram a região não detectaram nada.

O diretor de aviação civil da Malásia, Azharuddin Abdul Rahman, disse a repórteres que aviões malaios também inspecionaram a região e não encontraram nada.

"Não há nada. Fomos lá e não há nada", disse ele.


Outros supostos pedaços de destroços avistados previamente acabaram não tendo relação com o voo.

O MH370, da Malaysia Airlines, cujo destino final era a China, levava 239 pessoas a bordo.

Ele desapareceu cerca de uma hora após ter decolado de Kuala Lumpur, enquanto sobrevoava o sul da península vietnamita Ca Mau.

Nenhuma mensagem enviada pelo avião antes de seu desaparecimento indicava qualquer problema com a aeronave.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Google+ Badge