segunda-feira, 30 de março de 2020

Prefeito é a primeira vítima do coronavírus no Piauí

                    
Morreu na ultima  sexta-feira o prefeito de São José do Divino (PI), Antônio Nonato Lima Gomes, do Partido dos Trabalhadores. Ele era conhecido como Antônio de Felícia. A cidade de São José do Divino fica a 230 quilômetros da capital Teresina. Ele morreu vítima do coronavírus.
A morte causou repercussão no Estado. O prefeito foi internado no Hospital José Brito de Magalhães, de Piracuruca, com sintoma do vírus. Ele tinha 57 anos de idade e era diabético, o que inclui o paciente no chamado grupo de risco.
O prefeito é a primeira vítima do coronavírus no Estado. O Piauí, segundo quadro do Portal de Informações da área de Saúde no Estado, tem 199 casos suspeitos de coronavírus e 11 casos confirmados da doença. Outros 221 casos foram descartados.
O Governo do Piauí divulgou nota lamentando o falecimento do prefeito. Na nota, o Governo manifesta apoio e se solidariza com os familiares, amigos e admiradores.

sexta-feira, 27 de março de 2020

Salvar vidas ou salvar a economia?



*Por Milton Rui Jaworski

Segundo números do Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN), o Brasil registra, anualmente, em torno de 300.000 feridos graves por acidente de trânsito. Sem falar dos feridos leves. E nem por isso existe um caos. Mas se esses 300.000 recorressem ao sistema de saúde em 60 dias, certamente teríamos o caos instaurado. Muitos morreriam por falta de atendimento.

Qual seria a solução? Parar a circulação de todos os carros para reduzir o número de acidentes e ir liberando gradativamente até que o sistema, como um todo, se equalizasse. O que ocorre com o Coronavírus é a mesma coisa. Como ele tem um poder de contágio muito alto, a circulação de pessoas de forma irrestrita, fará com que o índice de pessoas infectadas seja muito elevado. Sabemos que somente cerca de 5% requer atendimento hospitalar. Mas 5% de uma população é um número absurdamente grande, o que geraria um caos no sistema de atendimento hospitalar.

Não existe estrutura hospitalar em lugar nenhum que dê vazão a essa demanda. Então teríamos que escolher quem viveria e quem morreria, como já está acontecendo em alguns países. A decisão sensata é parar a circulação de pessoas, para parar a transmissão do vírus. Mas é uma parada momentânea, de 2 a 6 semanas, tempo suficiente para que o sistema se equilibre. Depois tudo volta ao normal, e a recuperação será muito rápida.

Não se deve pregar o pânico. Precisamos ter racionalidade. O mundo não vai acabar. Nesse momento em que estamos vivendo, aparece todo tipo de experts sobre o assunto, falando do que não entendem, gerando pânico na população, como se um fato excepcional fosse a regra, como se um fato episódico fosse permanente.

Haverá uma perda de renda, sim haverá. Mas é por tempo curto. E nesse ponto entram os poderes públicos, para de forma sensata, conduzir a situação. A perda de renda, a eventual perda de emprego, a perda de receita das empresas, tudo isso tem fim, e o fim está ao alcance dos nossos olhos. Portanto tenhamos serenidade. Dias melhores virão e saírem fortalecidos.

Vamos salvar vidas e a economia!

*Milton Rui Jaworski é formado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e há mais de 30 anos fundou a Jaworski Consultoria Empresarial (www.jaworskiconsultoria.com.br)


terça-feira, 24 de março de 2020

Prefeito Chico Freitas divulga nota retirando sua pré candidatura a prefeitura de Lagoa Grande do Maranhão.

                  A imagem pode conter: Chico Freitas, a sorrir
O prefeito Chico Freitas divulgou uma nota retirando sua pré candidatura a prefeitura  de Lagoa Grande do Maranhão, nas eleições de 2020.
Confira:
Nesses dias de preocupação mundial todos os nossos esforços, cuidados e atenção devem ser direcionados para a causa maior do momento: a preservação da vida, com adoção de medidas de prevenções contra o vírus COVID-19.
Porém, um fato há que ser informado na versão original, a bem do esclarecimento e do conhecimento dos estimados amigos e amigas lagoagrandenses, com relação a pré-candidatura ao mandato seguinte.
É inegável a existência do grupo político que viabilizou minha eleição ao cargo de prefeito, graças ao apoio dos que em mim confiaram. Reconheço e sou grato a esse grupo e ao povo apoiador que me elegeu.
Sem delongas, mas indo direto ao que está em pauta e interessa nesta abordagem, em reuniões com lideranças estaduais do nosso partido PC do B, restou acertado que em prol da sucessão e da manutenção da bandeira do partido no comando da gestão municipal, o grupo há que se manter unido e em total harmonia e condição, ainda mais fortalecida, para a segura vitória que se achava fragilizada diante de acontecimentos alheios à minha vontade.
No intervalo de uma reunião para a outra conversei e me reuni com lideranças locais e com o secretariado e assessores sobre esse entendimento, e, por parte de todos, recebi a manifestação e aceno de ser esse o melhor e mais acertado caminho: o da união do grupo.
Nesta segunda-feira, hoje, sopesadas inúmeras circunstâncias, diversos fatores, cenários (local, estadual, nacional e mundial), ponderações até mesmo de foro íntimo e de âmbito familiar, e diante dos argumentos das mencionadas lideranças, que ratificam total apoio para todos nós, recepcionei compreensão consensual de retirada da minha pré-candidatura, remanescendo a pré-candidatura da Graciane.
Limitações impostas por várias razões nos impedem, por muitas vezes, atender todas as demandas e expectativas e essas situações muitos não entendem, embora saibam das responsabilidades impeditivas.
*Uma crença*: nunca perca seus valores éticos para ceder a pressões em favor do poder, tampouco admita ou pratique comportamentos escusos e ilegais, mesmo que essa postura frustre seus legítimos projetos.
Muito me ajudou também nessa decisão o isolamento imposto pela pandemia mundial, refletido na parada geral; diante da igualdade social estabelecida pelo universo, que sugere nova órbita para as nossas prioridades; diante da revisão de conceitos; de ver as ruas vazias; diante do silêncio; do estar perto de quem te ama e reconhece de verdade, minha família.
Caráter, lealdade, dignidade e humildade de pessoa simples e honrada são meus princípios, dentre outros e muitas outras virtudes que fundamentam minhas crenças e valores.
Desapegado a poder e sem ambições, nesta minha serena decisão valorizo a tranquilidade de estar promovendo a harmonia, união e concórdia e proporcionando ambiente favorável a nos assegurar, sem dúvida, pleno sucesso na jornada para a qual conto com o empenho de todos que formamos uma inquebrantável corrente de elos fortes.
Continuarei na condução até 31 de dezembro, pautando minha conduta nos sãos princípios da moral e da razão, com ética e transparência, e com os mesmos compromissos que norteiam minha gestão.
Um fraternal abraço,
*Chico Freitas*

segunda-feira, 23 de março de 2020

O Restaurante Popular de Lagoa Grande comunica que irá servir as refeições em embalagens (quentinhas) a partir de hoje

Resultado de imagem para restaurante popular ma de Lagoa Grande
COMUNICADO.
Considerando a urgência  em medidas de prevenção,
controle e contenção de riscos do Covid-19, e pensando na saúde dos usuários dos restaurantes populares, o restaurante popular de Lagoa Grande, como todo o estado do Maranhão, informa que a partir de hoje 23-03-2020 as refeições serão servidas em embalagens (quentinhas), podendo ser consumidas fora do refeitório. 

Maranhão tem 280 casos suspeitos do novo coronavírus em 40 municípios do Maranhão: Confira lista

                         Secretaria de Estado da Saúde (SES) do Maranhão. — Foto: Divulgação/SES
A Secretaria de Estado da Saúde do Maranhão (SES) informou na tarde deste domingo (22) que monitora 280 casos suspeitos do novo coronavírus em 40 municípios. Nesse sábado, foi confirmado o 2º caso de infecção pela Covid-19 no estado.
Os pacientes suspeitos estão sendo acompanhados por equipes do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS). Outros 87 casos foram descartados após os resultados de exames laboratoriais e 49 foram excluídos por não atender os critérios de definição de Covid-19.

Casos suspeitos e confirmados do novo coronavírus no Maranhão
Município
Suspeitos
Confirmado
Açailândia
5
0
Arari
2
0
Bacabal
1
0
Balsas
9
0
Barra do Corda
4
0
Barreirinhas
3
0
Buriticupu
1
0
Cândido Mendes
1
0
Carolina
1
0
Caxias
18
0
Chapadinha
5
0
Cidelândia
1
0
Codó
3
0
Coelho Neto
1
0
Coroatá
3
0
Davinópolis
2
0
Duque Bacelar
2
0
Estreito
1
0
Governador Eugênio Barros
1
0
Governador Nunes Freire
2
0
Grajaú
1
0
Igarapé do Meio
1
0
Imperatriz
12
0
Jenipapo dos Vieiras
1
0
Matões
2
0
Pedreiras
2
0
Peritoró
1
0
Porto Franco
1
0
Presidente Dutra
1
0
Raposa
1
0
Santa Inês
2
0
São Benedito do Rio Preto
1
0
São José de Ribamar
1
0
São Luís
177
2
São Pedro dos Crentes
1
0
São Raimundo das Mangabeiras
1
0
Timbiras
1
0
Timon
4
0
Tuntum
1
0
Viana
1
0
Fonte: Secretaria de Estado da Saúde
Coronavírus no Maranhão
O Maranhão possui dois casos confirmados do novo coronavírus. O primeiro caso foi confirmado na sexta-feira (20). O paciente é um homem idoso, de 69 anos, que recentemente esteve em viagem à São Paulo, não apresenta sintomas graves e está em isolamento domiciliar em São Luís.
segundo caso foi confirmado no sábado (21) após o resultado do exame de um hospital da rede privada. A paciente é uma mulher, de 37 anos, que teve contato com uma pessoa que esteve na Europa. De acordo com a SES, ela não possui sintomas graves e está em isolamento domiciliar em São Luís.
A secretaria afirma que ambos os pacientes apresentam bom quadro de saúde. Todas as pessoas que tiveram contato com os dois foram identificados, estão sendo monitorados pelo Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS) e estão sem sintomas gripais.
Centro de Testagem
Pessoas que estejam com sintomas que são febre, tosse e dificuldade de respirar ou tenham feito viagens para outras áreas que estejam com casos confirmados da doença, e tenham tido contato com casos suspeitos ou confirmados de Covid-19 devem procurar o Centro de Testagem do Maranhão, localizado na Policlínica Diamante em São Luís.
O laboratório está recebendo a coleta de material para a realização de exames laboratoriais para COVID-19 e dando orientações sobre as medidas que devem ser tomadas após o laudo. O local funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.
Cuidados
Para evitar a proliferação do vírus, o Ministério da Saúde recomenda medidas básicas de higiene, como lavar as mãos com água e sabão, utilizar lenço descartável para higiene nasal, cobrir o nariz e a boca com um lenço de papel quando espirrar ou tossir e jogá-lo no lixo. Evitar tocar olhos, nariz e boca sem que as mãos estejam limpas.

FONTE:G1 MA

quinta-feira, 19 de março de 2020

Coronavírus :Definidas diretrizes para atuação nas UPAs e hospitais macrorregionais do MA

Nesta ultima terça-feira (17) o governador Flávio Dino reuniu com todos os diretores das UPAs de São Luís e dos hospitais macrorregionais do Maranhão para alinhar ações de prevenção e combate ao Coronavírus (COVID-19) em todo o estado. 

Durante o encontro, o governador dialogou com os diretores dos hospitais regionais e macrorregionais de todas as regiões do Maranhão em uma ação integrada de combate ao coronavírus. “Estamos preparando leitos de UTI, leitos de retaguarda, reforçando o fornecimento de medicamentos e equipamentos de proteção para os profissionais de saúde. Contamos com a mobilização social necessária, com movimento e trabalho. Por isso temos que ter confiança tranquilidade, serenidade, para que juntos, de mãos dadas, governo e sociedade, possamos vencer esse desafio”, disse o governador Flávio Dino. 

Nesta mesma reunião com os diretores dos hospitais e UPAs, o governador anunciou a criação de um novo Centro de Testagem, além do que já está em funcionamento na Policlínica Diamante. O novo centro funcionará no Viva Beira-Mar, em área isolada, e nos locais de coleta dos hospitais macrorregionais. “Ainda não temos nenhum caso confirmado de Coronavírus no Maranhão. Mas, estamos trabalhando dia e noite, preparando leitos de UTI, leitos de enfermaria, preparando nossos diretores clínicos em todo o estado. Além disso, vamos ampliar o Centro de Testagem e iniciar, nos próximos dias, a checagem de passageiros no aeroporto e na rodoviária”, afirmou o secretário de Saúde.


Para Caio Hortegal, diretor do hospital macrorregional de Pinheiro, o alinhamento do Governo do Estado, por meio da rede de saúde, prepara o Maranhão para o possível recebimento dos pacientes com coronavírus. “Essa articulação entre hospitais, rede e governo são medidas preventivas que vão amenizar a incidência do coronavírus. Estamos todos os dias nos preparando para enfrentar mais um desafio na saúde pública do Maranhão”, disse o diretor.